Ovelhas Incandescentes

Ovelhas Incandescentes

Páginas

sábado, 21 de abril de 2018

Foda-se... mas com consciência!


O foda-se é mesmo algo libertador.
Mas esse "libertador" está entre aspas e bem entre aspas.

Quem não sabe o limite entre o "foda-se" e o silêncio, muda do "foda-se libertador" para o "ridículo constrangedor".
E sim, quem fala "foda-se" demais, sem pesar o contexto, acaba fodendo a si mesmo.

Antes de tocar um "foda-se", pense um pouco.
E antes de berrar que não vai pensar em nada e foda-se, pense de novo.
Só um pouco.
O mínimo pra não se tornar ridículo(a).

Até mesmo um "foda-se" sem coerência se torna uma reles "revolta sem causa".
E não tem nada mais ridículo do que um "rebelde sem causa".
E 'tá aí uma fase que já passei pela experiência.

Foi difícil, mas consegui.
Foi ruim, mas superei.
Demorou, mas passei.
Que bom!
Incandesçam!
❤ 🌹 ✏ 📖 🎼 🎻 📚 🍫 ❤

Nenhum comentário:

Postar um comentário