Ovelhas Incandescentes

Ovelhas Incandescentes

Páginas

domingo, 23 de novembro de 2014

Eu li "O Jogo do Anjo"

O Jogo do Anjo (El Juego Del Ángel)
Carlos Ruiz Zafón
Editora Suma de Letras

David Martín é um escritor... pobre.
Foi pobre, é pobre, vai ser pobre.
A mãe o abandonou e nunca mais deu notícias, o pai era uma pessoa ignorante e amargurada pela guerra, que morreu assassinado na frente de David.
David trabalha em um jornal pequeno e sem grandes expectativas, em Barcelona, Espanha.
Nada vai mudar em sua vida, nem mesmo um quarto diferente na pensão em que mora.
Um dia, David recebe uma carta com uma boa proposta de trabalho, principalmente financeira.
Tudo o que ele tem que fazer é escrever um livro específico para um editor francês que nunca aparece e, apesar de ser um homem muito rico e aparentemente poderoso, ninguém o conhece.
Conforme a história se desenrola, muitos altos e baixos acontecem na vida de David, exceto pelo trabalho, que continua sendo muito bom.
Seu "patrão" se mostra uma pessoa muito boa e que tem muito a oferecer a David e sua carreira de escritor, mas, com o decorrer da história, quanto menos David o conhece, o melhor é que continue a não conhecer.

Minha opinião!
Gostei muito, mas tem umas coisas que poderiam ser explicadas ou melhor explicadas.
Que raios é aquela noite de luxúria que ele passa logo no começo da história?
Que raios, afinal, aconteceu com o "patrão"?
Por que raios a Cristina já tinha aquela foto (aquela foto lá que quem ler vai saber qual é)?
Entre outras coisas que agora eu não lembro, no geral, eu gostei, mas algumas coisas deveriam ser mais explicadas e outras não precisavam de tanta atenção.

E com esse eu terminei a "Fila Zafón" que eu tinha, agora vou para a fila normal.

Incandesçam!
=)

Nenhum comentário:

Postar um comentário